Normas para a captura da tainha neste ano são publicadas no Diário Oficial

Foto: Ilhacom/Farol da Ilha
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 288 visualizações,  4 views today

Assim como esperado pelas entidades representantes e ligadas à pesca, a instrução normativa do Governo Federal, publicada na quinta-feira, 09, pelo Ministério da Agricultura e Pesca (Mapa), no Diário Oficial da União, foi baseada nas regras utilizadas no ano passado. O documento passou a vigorar com a publicação.

“Tem uma cota que precisa ser cumprida, como foi ano passado, e vamos fazer o monitoramento do limite junto com os pescadores a partir do dia 15, quando abre a pesca motorizada. Temos a preocupação de não ultrapassar o total da pesca artesanal”, detalha Maria Aparecida dos Ramos, integrante da União das Associações de Pesca da Ilha (Uapi).

As cotas válidas para 2019, são: 1592 toneladas para a frota de cerco ou traineira das regiões Sul e Sudeste e 1196, para o emalhe anilhado em Santa Catarina. “Orientamos ainda para que, quem não conseguiu fazer seu cadastramento para obter a nota do produtor, que faça o quanto antes junto à Secretaria de Pesca de Laguna, pois isso é muito importante”, instrui Maria Aparecida.

A temporada foi aberta no dia 1º de maio e vem tendo seus primeiros frutos para os pescadores, principalmente do Farol de Santa Marta. “Espero que seja uma boa safra, que possamos ser contemplados com o pescado, e claro, sempre ficando atentos às responsabilidades”, finaliza.

Notícias relacionadas