7ª parcela do auxílio emergencial é paga para nascidos em setembro

Em 2021, o auxílio é pago em parcelas que variam de R$ 150 a R$ 375, dependendo do perfil: as famílias, em geral, recebem R$ 250; a família monoparental, chefiada por uma mulher, recebe R$ 375; e pessoas que moram sozinhas recebem R$ 150.
Foto: Leonardo Sá/Agência Senado

A Caixa Econômica Federal (CEF) paga, nesta sexta-feira, 29, a última parcela do auxílio emergencial para os beneficiários do Bolsa Família, cujo Número de Inscrição Social (NIS) encerra em 0. Além disso, trabalhadores informais nascidos em setembro também recebem o benefício.

Em 2021, o auxílio é pago em parcelas que variam de R$ 150 a R$ 375, dependendo do perfil: as famílias, em geral, recebem R$ 250; a família monoparental, chefiada por uma mulher, recebe R$ 375; e pessoas que moram sozinhas recebem R$ 150.

Antes, o dinheiro era movimentado apenas por meio do aplicativo Caixa Tem, que permite o pagamento de contas domésticas (água, luz, telefone e gás), de boletos, compras em lojas virtuais ou compras com o código QR (versão avançada do código de barras) em maquininhas de estabelecimentos parceiros.

Em caso de dúvidas, a central telefônica 111 da Caixa funciona de segunda a domingo, das 7h às 22h. Além disso, o beneficiário pode consultar o site auxilio.caixa.gov.br.

Notícias relacionadas