O Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) decidiu lançar a ex-primeira-dama Adriana Maria Jonck como candidata a vice-prefeita na aliança com o Partido Democrático Trabalhista (PDT), que homologou Everaldo dos Santos, como candidato a prefeito. A decisão veio em convenção conjunta com o PSD na noite desta quarta-feira, 16.

“Nossa coligação com o PDT é com o objetivo de construir um projeto que venha trazer o desenvolvimento de Pescaria Brava e que possamos dar continuidade aos projetos implantados pelo PSDB no primeiro mandato. Deus sabe de todas as coisas e que ele nos abençoe”, disse a candidata. Adriana é esposa do ex-prefeito Antônio Honorato (2013-2016).

A coordenação tucana não informou quantos nomes irão disputar para vereador. A coligação terá ainda PSL e PSD, com apoio informal do PL. Essa é a terceira eleição do PSDB em Pescaria Brava, a primeira em que indica candidato à vice.

Perfil de Adriana Maria Jonck

Adriana Maria Jonck foi primeira-dama de Pescaria Brava entre 2013 e 2016 e até a desincompatibilização para as eleições, atuava como secretária parlamentar no gabinete da deputada federal Geovânia de Sá (PSDB).

Ela também foi secretária de Assistência Social no governo de Antônio Honorato. Está no PSDB de Pescaria Brava desde o ano de 2011, mas nunca disputou uma eleição política.

Candidatos escolhidos a vereador em convenção

Até esta sexta-feira, 18, o PSDB não tinha informado a quantidade, nem os nomes dos candidatos a vereador. Quando houver a nominata, a reportagem será atualizada.