Bombeiros das corporações de Laguna, Tubarão e Capivari de Baixo, estiveram envolvidos em um combate às chamas que desde a manhã desta terça-feira, 11, estavam consumindo a vegetação em um trecho compreendido entre os bairros Estreito e praia do Sol.

O chamado foi feito ao Corpo de Bombeiros Militar (CBM) da terra de Anita, por volta das 10h30, quando fogo havia começado. Inicialmente, as chamas estavam concentradas nas proximidades de uma igreja na comunidade do Estreito e seguiram avançando por conta das condições climáticas favoráveis, como o tempo seco. A tensão estava na possibilidade de o incêndio atingir as residências próximas.

Esse cenário motivou o acionamento das guarnições vizinhas que compareceram imediatamente ao local. Ao todo participaram da operação 20 bombeiros militares e 10 comunitários, incluindo os profissionais que atuarão na Operação Veraneio e estavam destacados para a montagem dos postos de salva-vidas no litoral lagunense. Aproximadamente dez hectares foram queimados.

Os trabalhos foram encerrados às 22h30, com o incêndio declarado extinto, após o gasto de mais de 45 mil litros de água no combate às chamas, além de batedores e sopradores. As causas do incêndio são desconhecidas, mas a hipótese mais provável, segundo os bombeiros, é que seja proposital.

A ocorrência teve a participação das viaturas AT-28 e ABTR-94, de Laguna; ABTR-53, de Capivari de Baixo e ABTR-08, de Tubarão.

Veja alguns registros desta operação