Polícia Civil prende padrasto em flagrante por estupro de bebê

Nome do preso e o bairro não foram divulgados para preservação da identidade da vítima.
Foto: Polícia Civil

Um homem, 27 anos, foi preso em flagrante em uma investigação que apura caso de estupro de vulnerável contra uma criança de apenas um ano de idade. A captura ocorreu nesta sexta-feira, 21, em Laguna. O nome do preso e o bairro não foram divulgados para preservação da identidade da vítima.

O homem é padrasto da criança, que precisou passar por procedimentos cirúrgicos, em hospital de Criciúma, em virtude do ocorrido. Até esta noite, o bebê ainda seguia em cirurgia e o caso é considerado grave.

Segundo o delegado William Testoni, a polícia agiu rápido assim que soube da denúncia do fato e teve a concretização da suspeita no decorrer das apurações. “A equipe em plantão na 18ª Delegacia Regional, após coleta de informações quanto à autoria, se dirigiu até o local onde o suspeito estava e efetuou sua prisão. O local onde foi localizado, supostamente onde ocorreu o crime, foi submetido à análise pericial pela Polícia Científica de Laguna”, explica o delegado.

A operação mobilizou equipes das polícias Civil, Militar e Científica de Laguna e Criciúma. O preso foi encaminhado ao Presídio de Laguna, enquadrado em flagrante no artigo 217-A, do Código Penal. O caso está em sigilo e o inquérito deve finalizar em 10 dias.