Reuniões ouvem comunidades sobre pesca com aviãozinho

Público-alvo, além dos pescadores, são os representantes de entidades de classe ligadas à pesca e instituições parceiras como Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) e Polícia Militar Ambiental (PMA).
Divulgação
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 1,464 visualizações,  4 views today

Iniciaram nesta quarta-feira, 13, as reuniões que vão debater o projeto de mapeamento e caracterização das áreas de pesca com o aviãozinho no Complexo Lagunar Sul de Santa Catarina. Os encontros são voltados às comunidades pesqueiras que utilizam as lagoas Santo Antônio dos Anjos e do Imaruí para a captura do camarão, atualmente em período de defeso.

Os encontros são organizados pela Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri), com apoio da Secretaria Municipal de Pesca e Agricultura (Sepagri). O público-alvo, além dos pescadores, são os representantes de entidades de classe ligadas à pesca e instituições parceiras como Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) e Polícia Militar Ambiental (PMA).

Os próximos encontros serão no dia 14, às 14h, no salão paroquial de Caputera, voltada aos moradores daquela localidade e também de Perrixil e Estreito. Já às 9h, do dia 15, ocorre a reunião para os pescadores da Barra do Camacho, no salão comunitário da comunidade.