Foto: Luís Claudio Abreu

Personagens sempre presentes na história e nos eventos culturais de Laguna, as sociedades musicais União dos Artistas e Carlos Gomes compartilham entre si o zelo pela música. Ambas as entidades estão passando por um momento de renovação, com sedes reformadas e caminhando para a compra de equipamentos para a continuidade do trabalho de formação musical.

Nesta quinta-feira, 2, as duas bandas receberam doação de 16 tripés usados para suporte de partituras, comprados pelas Guardiãs de Anita com recursos próprios. “As duas bandas também precisam de auxílio e a gente pensou em doar algo. Estamos em uma época de pandemia em que devermos dar as mãos e nos unirmos”, explica a diretora das Guardiãs, Ivete Scopel.

A entrega ocorreu inicialmente na União dos Artistas, onde elas acompanharam a execução de de um dobrado militar e do hino de Laguna. Dali, seguiram para a Carlos Gomes, onde  conheceram a sede reformada da banda e ouviram um pouco das histórias da centenária instituição.

“No momento em que a banda está precisando de várias coisas, elas nos presenteiam com essas estantes. Hoje, elas contribuem com a banda e mais tarde, nós poderemos contribuir com elas”, disse o presidente de honra da União, Maurício Espíndola. “Essa doação é um presente. Estávamos precisando desse material e é um início para nós que ainda estamos arrecadando o mobiliário da sede”, acrescentou o maestro Deroci de Oliveira, da Carlos Gomes.

O gesto é visto como um aceno para futuras parcerias e é reconhecido pelo Instituto CulturAnita, entidade da qual as guardiãs fazem parte. “No bicentenário de Anita vamos precisar da união de todos, inclusive das duas bandas, e temos que valorizar essas pessoas abnegadas que trabalham pela cultura da cidade. De mãos dadas faremos um belíssimo trabalho em 2021”, conclui Ivete.

Foto: Luís Claudio Abreu