Divulgação

O uso de máscaras vai ser obrigatório para todos os  moradores de Laguna, segundo anunciou o prefeito Mauro Vargas Candemil (MDB) nesta quinta-feira, 16. A medida vai ser adotada para tentar controlar o avanço do coronavírus na cidade.

O anúncio foi feito em vídeo postado em sua rede social. “Nos preocupamos bastante porque também se refletiu aqui em nosso município, de acordo com o último boletim informativo da contagem diária que é efetuada com nosso moradores aqui de Laguna. Aumentou-se muito os casos notificados e os casos suspeitos”, afirma Candemil.

De acordo com o decreto n° 6222, a partir do próximo domingo, dia 19, o uso de máscaras passa a ser obrigatório em todo âmbito municipal. Segundo o prefeito, a procuradoria do município ficou responsável pela elaboração do decreto que deve ser publicado no Diário Oficial dos Municípios ainda nesta sexta-feira, 17.

Antes uma orientação, o uso de máscaras passará a ser obrigatório em espaços públicos, comerciais e de uso coletivo. Além disso, o documento deve elencar ainda outros meios restritivos de prevenção individual. “Cuide-se gente, de vocês, da sua família, das pessoas por onde circulam. Cuide da sua vida, preserve a sua saúde”, finaliza Candemil.

Veja o decreto na íntegra, clicando aqui.

Números

A prefeitura de Laguna informou, em boletim nesta quarta-feira, 15, que mais uma pessoa está curada do coronavírus no município. Atualmente, dois moradores da cidade estão livres da doença Covid-19, que é causada pelo vírus.

Um homem de 34 anos é o paciente curado. Ele entrou na relação de pessoas infectadas junto com um senhor que tem entre 60 e 70 anos de idade. Se forem excluídos os dois casos curados, a cidade tem apenas dois moradores infectados – o caso mais recente é o de uma jovem de 20 anos, diagnosticada na última semana.

O boletim mostra que o número de suspeitas cresceu e chega a 11. Só nesta quarta-feira, foram coletadas nove amostras, sendo cinco só no hospital de Laguna. Os materiais foram encaminhados para análise.

Por outro lado, a estatística de casos descartados também subiu e foi de 53 para 57. Ao todo, já foram notificados 72 casos suspeitos de coronavírus no município.