José Carlos Mendes Netto assume a Secretaria de Pesca e Agricultura. Patrícia Paulino passa a ser titular da Assistência Social e Habitação. Fotos: Arquivo Pessoal e Gecom/PML.

Em nomeação que deve ser publicada na próxima segunda-feira, 20, o prefeito Mauro Candemil (MDB) vai oficializar nova troca de secretários em sua gestão, com a mudança dos titulares das secretarias de Pesca e Agricultura (Sepagri) e Assistência Social e Habitação.

José Carlos Mendes Netto, o conhecido ‘Cará’, deixará a pasta de Assistência Social e Habitação para assumir a Secretaria de Pesca e Agricultura (Sepagri), no lugar de Patrícia Paulino, que assume no lugar do ex-vereador.

A informação foi confirmada ao Portal Agora Laguna pelo prefeito, que classificou a mudança como uma “reordenação administrativa”, levando em consideração o perfil de cada um dos dois gestores. Os dois gestores também confirmaram as trocas.

“O secretário José Mendes se adapta mais na Sepagri, função que já ocupou, por similaridade, em administrações passadas e a secretária Patrícia Paulino, excelente profissional, cumpriu bem o compromisso à frente da Sepagri, mas propusemos e acordamos um novo desafio à ela na pasta da Secretaria de Assistência Social, com um perfil de liderança, adequado para superar, entre outras ações, a crise do Covid-19”, comenta o prefeito.

José Mendes Netto, 62, foi vereador entre 1997 e 2004 e concorreu por mais duas oportunidades em 2004 e 2008, mas não foi eleito. Foi secretário-adjunto e titular de Obras, na gestão Célio Antônio, e de Pesca, Aquicultura e Desenvolvimento Rural, no governo de Everaldo dos Santos.

Já Patrícia Paulino, 31, é engenheira florestal, com mestrado em manejo de solo e doutorado em ciência do solo, pela Udesc. A experiência na titularidade da Sepagri foi a primeira a frente de uma secretaria municipal.

Pesca teve três mudanças

A Sepagri foi a última secretaria criada por Candemil. Quando assumiu o governo, o prefeito mesclou a pasta de Pesca e Aquicultura – da qual, Netto chegou a ser titular em alguns períodos –, existente em gestões anteriores, com a Secretaria de Obras e Transportes.

A recriação da pasta ocorreu no segundo semestre de 2017, junto com a reorganização secretarial, que tirou o setor de Comunicação do leque de atividades-fim da pasta de Turismo e Lazer.

O primeiro secretário nomeado para a função foi o ex-vereador Antônio César da Silva Laureano (MDB, cassado em 2018), que ficou no cargo por alguns meses, passando a titularidade para seu filho, o ex-presidente do MDB, Michel Laureano, que havia sido exonerado do antigo Terminal Pesqueiro de Laguna.

Com a deflagração da Operação Seival, em novembro de 2017, Michel, um dos investigados, foi removido do cargo. O cargo ficou vago até janeiro de 2018, quando Patrícia Paulino assumiu a função.

Assistência Social tem terceira troca de titular em 2020

Desde o início da gestão Candemil, já ocorreram mais de quatro trocas na Assistência Social e Habitação de Laguna. A primeira secretária foi Maria de Fátima Figueiredo Duarte, que ocupou o cargo entre janeiro e novembro de 2018.

Na sequência o ex-vereador Hirã Floriano Ramos administrou a secretaria entre novembro de 2018 e abril de 2019, quando entrou para o cargo a ex-secretária de Saúde de Laguna, Tanara Cidade de Souza. Tanara ficou cinco meses na função, sendo exonerada em meio à uma polêmica gerada nas redes sociais por uma postagem em seu perfil pessoal.

O cargo ficou vago até o começo de janeiro deste ano, quando o ex-vereador Aderbal Moreira Cardoso, que já tinha sido secretário-adjunto no início do governo Candemil, foi nomeado para ser titular da pasta. Cardoso morreu no final de fevereiro e em março, Netto assumiu a função.

De maneira interina, durante a troca de gestores, a pasta foi administrada pela gestora de Finanças, Administração e Serviços Públicos, Luciana Fernandes, em alguns períodos de 2019 e no início deste ano. Além dela, o presidente da Fundação Irmã Vera, Valmor Packer, exerceu a função temporariamente entre setembro e dezembro de 2019.