Uma dupla de homens foi presa por policiais militares e civis, nesta semana, em operação policial conjunta no bairro Magalhães. Eles foram detidos por terem relação direta ou indireta com a tentativa de homicídio contra R.D.S., na noite de 20 de janeiro.

Segundo a Divisão de Investigação Criminal (DIC), de Laguna, que fez a prisão junto com o setor de inteligência da Polícia Militar, os detidos foram levados para a unidade prisional da cidade juliana, onde estão à disposição da Justiça. Um outro homem e mais um adolescente estão foragidos.

A DIC disse ainda que a vítima já tinha sido alvo de outra tentativa de execução. Em 9 de janeiro, perto de 21h, o adolescente investigado deu três tiros na direção de R.D.S, que estava dentro do bar. Como errou os disparos, o alvo não foi atingido.

Semanas depois, na travessa Pedro Rosa, no dia 20 de janeiro, outro investigado – identificado como R.P.R. – atirou quatro vezes contra o homem, que estava próxima a uma lavanderia. Um dos tiros atingiu R.D.S, que foi levado para o hospital a tempo e sobreviveu a tentativa de homicídio. Segundo informações, ele teria várias passagens policiais, principalmente por envolvimento no tráfico de drogas.