Prédio do Clube União Operária será revitalizado

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 724 visualizações,  4 views today

Acontece nesse sábado, 24, às 12h, a solenidade de assinatura da ordem de serviço para o restauro do prédio do Clube União Operária, no Centro Histórico.

O evento acontece na sede do clube e na oportunidade será apresentado o projeto ao público presente. A programação integra a Semana da Consciência Negra.

Conheça:

A Sociedade Recreativa União Operária de Laguna foi fundada em 1903 como uma associação afrodescendente e de classe. Seus fundadores, Pedro Jerônimo do Nascimento, Bonifácio Jesuíno Alves, Lucidonio Sypriano e Antônio Felisberto da Rosa também eram membros da Irmandade de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos.

Entre as décadas de 1920 e 1950, os grupos profissionais mais representativos eram os operários e os marítimos, mas a associação reunia trabalhadores manuais, comerciantes, negociantes e funcionários públicos. A União Operária promovia bailes dançantes e reuniões em datas comemorativas como o aniversário da associação, durante as festas dedicadas a Santo Antônio (o padroeiro da cidade) e nos carnavais.

O clube também tinha função educacional, com oferta de cursos noturnos e biblioteca para os associados, amigos e familiares. Na memória dos que participavam da vida da associação em meados do século XX, era um clube de mulatos, de uma elite entre os afrodescendentes da cidade, onde havia também o Clube Literário Cruz e Souza.

A sede atual da União Operária, em estilo eclético, foi adquirida em 1921 e está localizada na Rua Santo Antônio, esquina com a Rua Tenente Bessa, a uma quadra da Igreja Matriz e da Praça XV de Novembro, principal espaço público da cidade. A compra e manutenção dessa edificação é uma importante conquista dos afrodescendentes de Laguna.

Notícias relacionadas

Previous
Next