Advogado pode ser novo secretário de Saúde

Nome de André Felipe da Rosa, vice-presidente do MDB e assessor especial da prefeitura, é especulado internamente. Saúde não tem secretário titular desde 10 de dezembro.
Foto: Luís Claudio Abreu/Agora Laguna/Arquivo (2023)

O nome do advogado André Felipe da Rosa tem sido cotado para ocupar o cargo de secretário municipal de Saúde, sem titular desde 10 de dezembro. A pasta está sob gestão interina de Alcene dos Santos, secretário de Administração.

Ouvido pelo Portal, André confirmou as especulações, mas não disse se assumirá a pasta. “Nada de concreto ainda”, comenta. Fontes ligadas à prefeitura também reforçam a possibilidade da nomeação dele para o cargo. Um dos autores do pedido que gerou uma Comissão Processante contra o prefeito Samir Ahmad (sem partido) e Rogério Medeiros (PSD) e um dos críticos à gestão, o advogado entrou para o governo no cargo de assessor especial em novembro, sendo braço-direito da Administração.

Se a nomeação for confirmada, será o quarto secretário da pasta em menos de quatro meses. Desde novembro, com a repercussão da polêmica compra de kits de higiene bucal, a Saúde de Laguna vive uma indefinição de comando.

Com a exoneração por iniciativa própria da ex-secretária Gabrielle Siqueira da Cunha, a pasta chegou a ter o comando titular de Jadson Fretta por cerca de um mês até passar à gestão interina de Alcene dos Santos. As mudanças provocaram atrasos financeiros e causaram paralisação de serviços, como o dos laboratórios de análise clínicas no começo do ano.