Previous
Next

Fotos e documentos antigos de Laguna são destaque em exposição na capital

Mostra 'intitulada O Arquivo Público e os municípios catarinenses' agrupa documentos e registros que fazem viajar a um tempo remoto e abordam aspectos políticos, sociais, econômicos e culturais de Santa Catarina.
Praia do Cardoso, nos anos 70. Foto preservada no Apesc, em Florianópolis.

O que os pescadores em uma praia nos anos 70 e um documento de nomeação assinado no século 19 têm em comum? São registros históricos preservados que ajudam a contar a história de Laguna e parte disso pode ser vista em uma exposição física e virtual organizada pelo Arquivo Público catarinense (Apesc), na capital catarinense.

“A exposição busca proporcionar uma visão abrangente do desenvolvimento histórico e social de Santa Catarina, oferecendo um valioso acervo para pesquisadores, estudantes e a população em geral. Convidamos os públicos de todas as idades para conferirem”, destaca o diretor do Arquivo Público, Rodrigo Beirão.

De Laguna, aparecem os pescadores da praia do Cardoso, a nomeação do sargento Joaquim Ignácio para ser posto de guarda de depósito em 1817 e o Porto de Laguna, por exemplo. A pavimentação da SC-77 em Criciúma, ceramistas de Urussanga e estudantes de Tubarão também surgem no meio dos registros do sul-catarinense.

A mostra, intitulada O Arquivo Público e os municípios catarinenses, agrupa documentos e registros que fazem viajar a um tempo remoto e abordam aspectos políticos, sociais, econômicos e culturais de Santa Catarina.

Como conferir

A exposição é gratuita e aberta para todas as idades. Presencialmente, é possível visitar na sede do Arquivo Público, na rua das Camélias, 345, bairro Kobrasol, em São José, que funciona de segunda a sexta-feira, das 13h às 18h. Para visitar a exposição de maneira online, acesse este site.