Estimativa aponta leve crescimento na população de Laguna

Os números mostram que Laguna se manteve como a segunda cidade com mais moradores na região da Amurel. A vizinha Pescaria Brava passou de 10.159 moradores em 2020, para 10.225 habitantes neste ano, aumento de 66 pessoas.
Foto: Elvis Palma/Agora Laguna

A atualização da estimativa populacional do Brasil, divulgada nesta sexta-feira, 27, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), aponta que Laguna teve um leve crescimento na população. Passou de 46.122 para 46.424, o que representa um incremento de 302 pessoas no intervalo de um ano. A estatística considera dados levantados até 1º de julho deste ano.

Os números mostram que Laguna se manteve como a segunda cidade com mais moradores na região da Amurel. A vizinha Pescaria Brava passou de 10.159 moradores em 2020, para 10.225 habitantes neste ano, aumento de 66 pessoas.

Na região, Tubarão continua como a mais habitada: 107.143 moradores. Santa Rosa de Lima é a menor com 2.151 habitantes. Em Santa Catarina, o estado teve a população estimada em 7,33 milhões de residentes. Joinville manteve a posição de maior município do estado em população, com 604,7 mil habitantes. Florianópolis tem 516,5 mil moradores.

A projeção indica que o Brasil tem 213,3 habitantes, o que mostra crescimento de mais de 0,74% em relação ao ano passado. O estado de São Paulo (46,65 milhões) continua na condição de o mais habitado do país.

A estimativa do IBGE é utilizada pelo poder público como parâmetro ao enviar recursos, disponibilidade de verbas, entre outros serviços. Por exemplo, a distribuição de vacinas é feita com base na tabela do instituto. A estatística é divulgada anualmente, mas não se trata de um censo demográfico, realizado a cada década.

Números da Amurel

  • Tubarão (107,1 mil);
  • Laguna (46,4 mil);
  • Imbituba (45,7 mil);
  • Braço do Norte (34,2 mil);
  • Capivari de Baixo (25,4 mil);
  • Jaguaruna (20,5 mil);
  • São Ludgero (13,8 mil);
  • Sangão (13,1 mil);
  • Gravatal (11,6 mil);
  • Pescaria Brava (10,2 mil):
  • Imaruí (9,7 mil);
  • Armazém (8,8 mil);
  • Treze de Maio (7,1 mil);
  • Grão-Pará (6,6 mil);
  • Rio Fortuna (4,6 mil);
  • Pedras Grandes (3,9 mil);
  • São Martinho (3,1 mil); e
  • Santa Rosa de Lima (2,1 mil).