Foto: Elvis Palma/Agora Laguna

FESTIVAL GASTRONÔMICO. Além de se destacar por suas inúmeras belezas naturais, prédios tombados, sua história e pelas atrações de verão, Laguna vem se consolidando também com uma programação que visa promover sua rica gastronomia. Em sua segunda edição, o Festival Gastronômico Sabores do Mar promete movimentar a cidade até o dia 31 de outubro. A abertura oficial aconteceu na segunda, 14, e contou com vários convidados que puderam saborear os pratos oferecidos pelos 17 estabelecimentos parceiros nessa segunda edição.

A PALAVRA DITA nos meios de comunicação ou nas redes sociais deve ser feita sempre com bastante cuidado. Tem que estar pensando nos prós e contras. Quando isso não acontece, na maioria das vezes, um ponto, uma vírgula e pior ainda, uma palavra ou frase abre um leque de interpretações, principalmente se for figura pública.

Após a eleição, não se têm mais opositores, nem tão pouco ridículos, baratos ou sem vergonhas. Deputado, passamos a ser iguais por todo trabalho feito por você ou por qualquer outro deputado em prol do Estado ou de uma cidade. Você não vai conseguir beneficiar esse ou aquele separadamente. Alguns sim, claro, com bons salários e comissões.

“Laguna como irmã pobre da vizinha Tubarão”. Não consegui digerir essa informação, não soa bem. Isso, não desmerecendo a potencialidade de Tubarão (como parte de Laguna que foi), mas não podemos perder o respeito do que nossa cidade representa para nós lagunenses natos e para o estado de Santa Catarina. Se somos chinelões, alguns profissionais mamadores do dinheiro público ou sem vergonhas, como na afirmação feita através da sua rede social, deputado, acho que algo se perdeu no caminho. Algo que foi sua bandeira utilizada para esses quase 50 mil votos que tanto menciona. Quem perdoa é Deus, não você.

Laguna como cidade-mãe te abraçou, deputado “lagunense”. Agora com a sua vida política de mudança para Tubarão, que a madrasta cidade vizinha te abrace e te dê conforto que procuras. Se alguém cuspiu no prato que comeu não foi eu, essa é a minha opinião.

A MATEMÁTICA NA POLÍTICA nos mostra que gratidão o deputado deveria ter com os lagunenses. Afinal dos 34.824 eleitores de Laguna, 5.256 lhe deram um voto de confiança, isso representa em termos percentuais 15,09% dos eleitores. Já Tubarão, dos 78.125 eleitores aptos, 8.365 tubaronenses votaram no seu nome, representando também em termos percentuais 10,70%. Não consegui entender essa gratidão deputado, a não ser um olhar no próprio umbigo em um futuro não tão distante. Se quem não votou em você é tratado dessa maneira, é bom lembrar que não foram apenas meia dúzia como falas e sim 29.568 eleitores lagunenses, que não acharam você uma boa opção. É bom fazer as contas: afinal um voto pode ser fatal para suas próximas pretensões. Minha opinião.

VICE-PREFEITO A PROCURA DE RECURSOS. Júlio César Willemann (PSD) foi à Brasília (DF) buscar verbas para o município. Como objetivo principal: pleitear recursos para execução da ciclovia da Praia do Iró que teve o projeto elaborado pela equipe técnica da Amurel. Agora é aguardar. De oficial, ainda não sabemos do resultado da viagem, se foi positivo ou não.

PRÊMIO ELISABETE TEM RESULTADO DIVULGADO. A Fundação Catarinense de Cultura (FCC) divulgou na última semana o resultado da etapa de análise, avaliação, classificação e seleção do Prêmio Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura 2019. Dois projetos de Laguna foram contemplados: o primeiro foi a Festa da Farinha em Caputera com R$ 30 mil, que ocorre entre os meses de agosto e setembro e tem como objetivo valorizar a cultura açoriana. O segundo foi a reedição do livro Anita: a Guerreira das Repúblicas, com R$ 15 mil. Obra do pesquisador Adilcio Cadorin, que deverá ser lançada para comemorar o bicentenário da heroína. Nesta quinta edição, o Prêmio de Estímulo à Cultura distribui R$ 5,6 milhões, em recursos que são do Governo do Estado de Santa Catarina.

Foto: Elvis Palma/Agora Laguna

NADA FICOU BEM EXPLICADO É O QUE PARECE, por tantas vezes que o deputado vem tentando explicar os desdobramentos da sua polêmica entrevista à Rádio Bandeirantes, no último sábado, 12. Todas as vezes que utiliza das redes sociais o assunto volta à pauta e sempre tem novas explicações e acusações sendo feitas. Desta vez, trata como sujo e imorais aqueles que não tiveram ele como opção de votos. Citou nosso povo açoriano que se permite ser manipulado por alguns “opositores”, até falou em gados de manobra. Acho que nada ficou claro até agora pelo nobre deputado.

Caso contrário, não seriam necessárias tantas explicações. Minha dúvida é quem será que ele considera como políticos sujos e imorais? Quem que ele tanto cita como mentores desse assunto que ele mesmo fez questão de falar em entrevista? A entrevista pode ter sido fragmentada, mas não adulterada. Olha deputado, da minha parte fica o desejo de sucesso nas suas pretensões pessoais aí na cidade vizinha de Tubarão.

Divulgação

NA RODOVIÁRIA, o que vem chamando a atenção são os moradores de rua. Fica o alerta pela recepção que passageiros e turistas encontram ao chegar em nossa cidade, pois alguns utilizam o local para dormir, beber e outras coisas mais. Na noite e na madrugada, a situação complica pela intimidação de quem entra e quem sai via ônibus, principalmente pela forma que abordam as pessoas e passageiros que por ali passam. Se por um lado tem reclamação das empresas, do outro tem os passageiros que estão deixando de viajar à noite por medo dessa situação. Algo necessita ser feito.

ESCURIDÃO. O assunto é velho, mas a grande promessa de crescimento na região como era veiculada a construção da nossa Ponte Anita Garibaldi após pronta, vem passando por uma triste situação. Não vou nem entrar na questão da conta, que isso no futuro alguém vai ter que pagar, mas sim da situação da iluminação, alvo de ratos como veiculado nas informações divulgadas. Ontem, quinta-feira, 17, grande parte estava apagada totalmente sentido Tubarão-Laguna.

O PAI DA CRIANÇA. Realmente estamos vendo uma enxurrada de nomes vinculadas às boas e não tão boas notícias. A cada boa notícia cada um quer puxar a sardinha para o seu lado querendo assumir as responsabilidades. Pena que o pai da criança abandonou seus filhos como: farmácia judicial, perícia médica, e tantos outros casos esquecidos ao longo do tempo. Agora que vai dar trabalho para descobrir o pai do acesso Norte isso vai. Provavelmente terá fila fazendo o DNA, mas como tantos outros, se não der em nada, será mais uma criança que será esquecida.

#RAPIDINHAS: No Terminal Pesqueiro, a malha foi fina e levou com ela praticamente a grande maioria dos prestadores de serviços. Foram todos demitidos. Agora é aguardar as novidades, novos nomes dessa nova fase do nosso Terminal, sob a gestão da SC Parcerias. Como disse o nosso deputado, a cidade de Laguna tem muitos mamadores do dinheiro público, agora é questão de observarmos quem vai assumir e quem vai fazer parte dessa nova gestão. Pedras ou flores, só o tempo trará respostas.

NA SEMANA QUE PASSOU o grupo NSC Comunicação, de Santa Catarina, anunciou uma série de alterações em sua unidade de jornais. A partir de 26 de outubro, Diário Catarinense, A Notícia e Jornal de Santa Catarina passam a ser veiculados apenas nos finais de semana, em formato de revistas. Já o jornal Hora de Santa Catarina, diferentemente dos três outros, deixará de circular em versão impressa, tornando-se exclusivamente online.

FICO AQUI IMAGINANDO o que irão fazer agora os bambambãs, que colecionam notícias impressas. Certamente devem se atualizar procurando aulas de internet e acesso as mídias sociais. Hoje em dia ou você está inserido no meio digital ou simplesmente você está fora do mundo. Falo da agilidade e rapidez das informações que se atualizam a cada segundo. #sóacho.


ELVIS PALMA, 54 anos, é formado em administração de empresas, funcionário público estadual, fotógrafo e comentarista do Jornal da Manhã da Rádio Difusora de Laguna.


As informações e opiniões expressas neste texto, são de total responsabilidade do seu autor.