Rede Feminina aguarda pagamento de emenda anunciada em novembro: ‘Decepcionadas’

Por meio de nota, a Secretaria de Comunicação (Secom), da prefeitura de Laguna, informou que "segundo o objeto da emenda, esses recursos não podem ser repassados diretamente à Rede Feminina de Combate ao Câncer".
Foto: Luis Claudio Abreu/Agora Laguna

“Estamos muito decepcionadas”, lamenta a presidente da Rede Feminina de Combate ao Câncer de Laguna (RFCC), Cleci Ponciano Costa. A entidade, que tem renda formada por contribuições públicas e voluntárias, aguarda o pagamento de uma emenda parlamentar no valor de R$ 100 mil, anunciada em novembro do ano passado.

O recurso foi inserido no Orçamento estadual pelo deputado Neodi Saretta (PT) e enviado à conta da Secretaria de Saúde, uma vez que a verba não pode ser depositada diretamente para RFCC. O projeto para viabilizar o repasse já foi protocolado na prefeitura.

“A nossa maior tristeza é que o dinheiro era pra ser repassado pra Rede e até hoje só promessa”, afirma a presidente da RFCC, Cleci Ponciano Costa. “Esse dinheiro ia ajudar muito nas nossas despesas. Estamos gastando muito com medicamentos, cesta básica; são muitos pacientes acamados, precisando de carne, frango, ovos… A despesa é grande”, define.

Por meio de nota, a Secretaria de Comunicação (Secom), da prefeitura de Laguna, informou que “segundo o objeto da emenda, esses recursos não podem ser repassados diretamente à Rede Feminina de Combate ao Câncer” e que o setor jurídico municipal “está cuidadosamente estudando a melhor forma de direcionar o montante de maneira eficaz e dentro dos parâmetros legais, garantindo o máximo benefício para a saúde pública do município”.

Apesar da espera e da falta de horizontes promissores, Cleci diz que a Rede Feminina seguirá com as atividades: “Deus é grande, vamos continuar lutando e trabalhando com sempre fizemos”.

Leia a nota oficial da prefeitura

A Prefeitura de Laguna gostaria de esclarecer questões relativas à Emenda Estadual n° 122/2023, de autoria do Deputado Neodi Saretta, que visa destinar recursos para investimentos na área de saúde do município.

Gostaríamos de informar que, segundo o objeto da emenda, esses recursos não podem ser repassados diretamente à Rede Feminina de Combate ao Câncer. No entanto, o Departamento Jurídico da Prefeitura está cuidadosamente estudando a melhor forma de direcionar o montante de maneira eficaz e dentro dos parâmetros legais, garantindo o máximo benefício para a saúde pública do município.

Reiteramos que a Prefeitura de Laguna mantém seu compromisso de apoio à Rede Feminina de Combate ao Câncer, oferecendo suporte estrutural, inclusive através do imóvel atualmente destinado à casa, onde são realizadas atividades fundamentais para a causa.

Agradecemos à comunidade e às partes interessadas pela compreensão e apoio contínuo em nossa missão de melhorar a saúde e o bem-estar de todos os moradores de Laguna.

Notícias relacionadas