Fazendeiro usa máquina própria para tentar escoar água em Campos Verdes

Ao longo do final de semana, motociclistas relataram dificuldades ao fazer a travessia devido ao acúmulo de água em pontos da pista.
Agora Laguna

Um fazendeiro utilizou a retroescavadeira de sua propriedade na tentativa de realizar uma intervenção que facilite o escoamento da água acumulada em um trecho da rodovia Aggeu Medeiros, na parte pertencente à Laguna, em Campos Verdes. A cena foi vista nesta segunda-feira, 20.

Ao longo do final de semana, motociclistas relataram dificuldades ao fazer a travessia devido ao acúmulo de água em pontos da pista.

“A máquina da fazenda de camarão está fazendo o valo para a água escoar porque se esperar pela prefeitura estamos todos perdido”, diz uma moradora da região.

A intervenção ocorre por iniciativa do morador local. Sob orçamento milionário, a Aggeu Medeiros está em obras há dois anos e após um período de paralisação, os trabalhos recomeçaram pela parte pertencente ao município de Tubarão. Semanas atrás, o Instituto do Meio Ambiente autorizou a supressão da vegetação existente no leito da rodovia.

Amurel se posiciona

Segundo o presidente do Consórcio Intermunicipal Multifinalitário da Amurel (Cim-Amurel) e prefeito de Grão Pará, Hélio Alberton Júnior (PP), as obras da rodovia ainda não alcançaram este trecho. “Na verdade a rodovia também está em obras. Chuvas e movimentações, com retirada de material orgânico, será esse o visual até a finalização. Infelizmente, asfalto somente quando finalizar. Precisamos que o tempo estabilize para a obra ganhar ritmo de trabalho. Nós iríamos pavimentar o acesso à Ponte Stelio há 15 dias. Mas as chuvas atrasaram”, disse à Revista Única, de Tubarão.