Família procura por mulher com esquizofrenia que desapareceu após entrar em ônibus

Qualquer informação que possa ajudar a identificar o paradeiro de Angelita pode ser comunicada pelo telefone (47) 99269-7876, com Michele Souza ou pelo 190 da Polícia Militar.
Divulgação

Familiares de  Angelita Siqueira da Silva, 61 anos, procuram por informações que possam levar ao seu paradeiro.

Moradora do bairro Magalhães, ela entrou um um ônibus por volta das 12h, desta segunda-feira, 6, na rodoviária municipal e não foi mais vista.

“Precisei levar meu filho na creche e quando retornei ela não estava. Ela levou algumas roupas”, comenta o filho Matheus Siqueira, 22 anos, ao Portal Agora Laguna.

A mulher sofre de esquizofrenia e segundo familiares toma remédio controlado. “Grande possibilidade de ter saído da cidade. Estou desesperado”, finaliza.

Qualquer informação que possa ajudar a identificar o paradeiro de Angelita pode ser comunicada pelo telefone (47) 99269-7876, com Michele Souza ou pelo 190 da Polícia Militar.

Um boletim de ocorrência já foi registrado.