Sem consenso, PT de Laguna decide por prévias para definição de pré-candidato

PT tem atualmente dois pré-candidatos: o ex-prefeito Célio Antônio e a ex-secretária Aparecida da Silva.
Fotos de arquivo

Célio Antônio ou Aparecida da Silva. O Partido dos Trabalhadores (PT) ainda não tem um consenso sobre qual deve ser o pré-candidato da sigla às eleições de outubro. A direção municipal voltou a se reunir no domingo, 28, e optou por realizar prévias internas para que os filiados façam a definição. A previsão é realizá-las até a segunda semana de março, após concordância do comando estadual.

A informação foi confirmada pela direção municipal em nota à imprensa. “É um processo legítimo, onde garante a democracia interna e fortalece ainda mais a militância para a construção de um projeto de cidade. Ambos têm uma trajetória recheada de lutas sociais e tem muito a contribuir para o município de Laguna”, disse o presidente do PT, Sandro Pessoa.

O ex-prefeito por dois mandatos (2005-12) teve a pré-candidatura anunciada no fim do ano passado e a ex-secretária vem tendo o nome cotado após a visibilidade ganha quando concorreu à Câmara dos Deputados, na eleição geral de 2022.

Notícias relacionadas