Pedras são pichadas na região do Farol

Cenas recordam os episódios em que as pedras do Iró e a do Frade apareceram com declarações de amor desenhadas há cerca de seis anos.
Colaboração/Agora Laguna

Um conjunto de pedras foi pichado com mensagens escritas com um tinta vermelha na região do Farol de Santa Marta. Imagens com o registro do ocorrido foram compartilhadas nesta quinta-feira, 27.

As mensagens são acompanhadas da sigla de uma facção criminosa atuante no estado. Pichações do gênero são consideradas crime ambiental e podem render um ano de cadeia se a pessoa que fez o ato for identificada. As cenas recordam os episódios em que as pedras do Iró e a do Frade apareceram com declarações de amor desenhadas há cerca de seis anos.

A Fundação Lagunense do Meio Ambiente (Flama) abriu um procedimento de apuração do fato. Segundo a autarquia,  o local é considerado área de preservação permanente (APP) pela lei e o infrator pode receber até R$ 200 mil em multa, conforme a gravidade da conduta. “Como se trata de uma infração praticada de forma oculta (provavelmente à noite), solicitamos à população que, caso tenham conhecimento, nos encaminhem informações sobre o autor da pichação, a fim de identificarmos o autor do fato aplicarmos as medidas cabíveis contra o infrator”, pede o advogado da fundação, Rafael Giassi.

Como denunciar

De acordo com a Flama, os dados do infrator para a sua identificação podem ser enviados através do e-mail protocoloflama@laguna.sc.gov.br. Os dados de quem encaminhar a identificação do infrator permanecerão em sigilo, conforme determina a lei.

Notícias relacionadas