Simulado de emergência com combustível movimenta ponte Henrique Lage

A ação representou a colisão entre um carro e um caminhão transportando produto perigoso (gasolina), que resultou no vazamento do material sobre a pista, bloqueando-a totalmente. O combustível, para fins didáticos, foi substituído por água e alguns voluntários fizeram os papéis de vítimas, sendo uma leve e duas ilesas.
Divulgação

Na manhã desta quinta-feira, 24, o trânsito na ponte Henrique Lage, a antiga de Cabeçuda, ficou bloqueado durante alguns instantes para a realização de um exercício simulado de atendimento de emergência com vazamento de produto perigoso.

A ação representou a colisão entre um carro e um caminhão transportando produto perigoso (gasolina), que resultou no vazamento do material sobre a pista, bloqueando-a totalmente. O combustível, para fins didáticos, foi substituído por água e alguns voluntários fizeram os papéis de vítimas, sendo uma leve e duas ilesas.

A simulação envolveu a CCR ViaCosteira, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBM), Policia Ambiental, Instituto do Meio Ambiente (IMA), Defesa Civil, Conselho Regional de Química de Santa Catarina (CRQ-SC) e Rede SIM de Postos.

Notícias relacionadas