Orientar & Fiscalizar: Diretoria de Portos e Costas (DPC) – Resumo das lições aprendidas em acidentes para apresentação aos tripulantes – acidente da Navegação, envolvendo uma lancha a motor em atividade de pesca

O que aconteceu? Ao chegar no local desejado, o comandante de uma lancha fundeou dando início a sua pescaria. Em virtude da mudança climática no local, e o aumento da intensidade dos ventos, a embarcação se soltou e, com a correnteza, começou a se deslocar em direção as pedras próximas. O condutor partiu o motor e com a máquina engrazada começou a recolher a amarra, sem observar que a amarra estava dizendo para ré, o cabo da amarra enroscou no hélice puxando a popa da embarcação para baixo provocando o embarque de água pela popa, reduzindo sua reserva de flutuabilidade e perda da estabilidade, acarretando seu rápido alagamento. O condutor conseguiu cortar o cabo que prendia o ferro, porém devido à quantidade de água embarcada, a embarcação acabou naufragando.
Del Laguna (Arte)

O que aconteceu?

Ao chegar no local desejado, o comandante de uma lancha fundeou dando início a sua pescaria. Em virtude da mudança climática no local, e o aumento da intensidade dos ventos, a embarcação se soltou e, com a correnteza, começou a se deslocar em direção as pedras próximas. O condutor partiu o motor e com a máquina engrazada começou a recolher a amarra, sem observar que a amarra estava dizendo para ré, o cabo da amarra enroscou no hélice puxando a popa da embarcação para baixo provocando o embarque de água pela popa, reduzindo sua reserva de flutuabilidade e perda da estabilidade, acarretando seu rápido alagamento. O condutor conseguiu cortar o cabo que prendia o ferro, porém devido à quantidade de água embarcada, a embarcação acabou naufragando.

O que podemos aprender?

  1. O Condutor de uma embarcação é o responsável pela segurança da embarcação e dos usuários, tanto no que se refere à habilitação do condutor quanto às precauções de segurança para proteção das fazendas de bordo e das preciosas vidas humanas;
  2. É muito importante verificar a previsão do tempo antes de suspender, disponível nos sites “www.dhn.mar.mil.br” e “www.cptec.inpe.br”; e
  3. Saiba escolher um bom ponto de fundeio para não ser surpreendido pelas condições do tempo.

Atenção!!

Ao observar alguma situação que represente risco para a segurança da navegação, para a salvaguarda da vida humana no mar ou para a prevenção da poluição hídrica, procure a Capitania dos Portos, Delegacia ou Agência mais próxima de sua região clicando aqui.

Telefone emergencial da Marinha: 185

Pelo Ato nº 881, de 18 de fevereiro de 2008 da Anatel, foi autorizado o uso do Código de Acesso a Serviço Público de Emergência no formato “185”, para atendimento nos serviços prestados pela Marinha do Brasil, para atendimento da salvaguarda da vida humana no mar, com a designação de “Marinha – Emergências Marítimas e Fluviais”.

Contato:
Delegacia da Capitania dos Portos em Laguna.
Telefone: (48) 3644-0196
Email: dellaguna.ouvidoria@marinha.mil.br.

Os artigos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Agora Laguna.

Útimas Notícias