Câmara discute autorização para férias do prefeito de Laguna

Se passar pela Câmara, a licença de Samir Ahmad valerá por 15 dias, contados a partir de 14 de fevereiro. Nesse período, a prefeitura ficará interinamente sendo comandada pelo vice Rogério Medeiros (PSDB).
Foto: André Luiz/Agora Laguna

A Câmara de Vereadores de Laguna deve discutir na próxima semana a aprovação de um projeto de decreto legislativo para autorizar férias de 14 dias para o prefeito Samir Ahmad (sem partido).

A solicitação já foi lida na sessão de segunda-feira, 7, antecipada para que alguns vereadores pudessem participar de um curso. O projeto de decreto requer votação única e para ser aprovado precisa só da maioria simples dos votos (7 vereadores).

Se passar pela Câmara, a licença de Ahmad valerá por 15 dias, contados a partir de 14 de fevereiro. Nesse período, a prefeitura ficará interinamente sendo comandada pelo vice Rogério Medeiros (PSDB). Esse é o primeiro pedido de licença do prefeito para férias em um ano de mandato.

Reajuste de vencimentos

Também na próxima semana, a Câmara vota o reajuste de 20% nos vencimentos dos servidores ocupantes dos cargos de agente de administração, oficial de administração, encarregado de serviços gerais, recepcionista/telefonista, técnico legislativo, técnico em informático e técnico em contabilidade. Segundo o projeto, as despesas decorrentes da lei correrão por conta do orçamento vigente do Legislativo e entraram em vigor com efeitos financeiros a partir do dia 1º de março de 2022, revogando as disposições em contrário.