Pedras Grandes assume presidência da Amurel

Amurel tem 18 cidades filiadas: Armazém, Braço do Norte, Capivari de Baixo, Grão-Pará, Gravatal, Imaruí, Imbituba, Jaguaruna, Laguna, Pedras Grandes, Pescaria Brava, Rio Fortuna, Sangão, Santa Rosa de Lima, São Ludgero, São Martinho, Treze de Maio e Tubarão.
Foto: Luiz Henrique Fogação/Amurel
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 1,180 visualizações,  4 views today

O prefeito de Pedras Grandes, Agnaldo Filippi (PP), foi eleito presidente da Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel), na assembleia ordinária realizada na manhã desta quinta-feira, 6. Ele substitui Deyvisonn de Souza (MDB), que ficou um ano no cargo principal da entidade representativa.

Filippi terá o prefeito de Capivari de Baixo, Vicente Costa (PL), como primeiro-vice-presidente, e o prefeito de Treze de Maio, Jailson Bardini (MDB), como segundo-vice-presidente. Já o prefeito de Laguna, Samir Ahmad (sem partido), foi um dos designados para representar a Amurel junto à Federação de Consórcios, Associações e Municípios de Santa Catarina (Fecam).

“Me sinto com o dever cumprido e agradecido por ter ocupado esse tão importante cargo e ter conduzido os rumos dessa importante associação da nossa região”, afirmou o prefeito de Pescaria Brava, ao deixar o cargo de presidente, e assumir também a função de representante na Fecam. “Uma satisfação e uma honra muito grande poder assumir esta importante associação que representa os 18 municípios aqui da nossa região”, disse o novo titular da função.

A Amurel tem 18 cidades filiadas: Armazém, Braço do Norte, Capivari de Baixo, Grão-Pará, Gravatal, Imaruí, Imbituba, Jaguaruna, Laguna, Pedras Grandes, Pescaria Brava, Rio Fortuna, Sangão, Santa Rosa de Lima, São Ludgero, São Martinho, Treze de Maio e Tubarão.

A entidade foi fundada a partir do desconforto das administrações municipais, especialmente as das pequenas cidades que se defrontavam com imensas barreiras quando queriam ver ouvidas as suas reivindicações. Entre as finalidades estão: ampliar e fortalecer a capacidade administrativa, tecnológica e social dos municípios e prestar assistência técnica, administrativa, planejamento local e regional.