Bombeiros atendem ocorrência de queda de parapente na comunidade da Figueira

De acordo com o tenente Henrique Schuelter, é comum que praticantes desse tipo de esporte tenham a companhia de outras pessoas, justamente para prestar esse tipo de apoio numa situação de perda de controle do parapente.
Divulgação/CBM

Um homem sofreu uma queda de parapente na região da comunidade da Figueira, no Distrito de Ribeirão Pequeno, no começo da tarde desta segunda-feira, 25.

O Corpo de Bombeiros Militar (CBM) foi chamado para prestar socorro, mas não conseguiu acesso por via terrestre e precisou acionar uma embarcação de resgate.

Segundo a corporação, no tempo em que houve o deslocamento do bote até o local onde ocorreu a queda, uma outra lancha passou e retirou o homem da água, antes da chegada do socorro.

De acordo com o tenente Henrique Schuelter, é comum que praticantes desse tipo de esporte tenham a companhia de outras pessoas, justamente para prestar esse tipo de apoio numa situação de perda de controle do parapente.

Afogamento

Poucos minutos depois, os bombeiros também socorreram uma mulher, 60 anos, na lagoa do Imaurí, em Cabeçuda, próximo do local onde há um supermercado em construção. A vítima foi atendida e encaminhada ao hospital de Laguna.