Nova parcela do auxílio emergencial começa a ser paga dia 17

Auxílio é depositado em contas poupança digitais e poderá ser movimentado pelo aplicativo Caixa Tem. Somente de duas a três semanas após o depósito, o dinheiro poderá ser sacado em espécie ou transferido para uma conta corrente. A partir de novembro, a expectativa do governo é lançar uma nova versão do benefício, chamada de Auxílio Brasil.
Foto: Leonardo Sá/Agência Senado
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 1,460 visualizações,  4 views today

Beneficiários do Bolsa Família e trabalhadores informais inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) do governo federal vão receber mais um parcela do auxílio emergencial este ano. Os pagamentos da sexta rodada vão começar dia 17 de setembro e o calendário irá até dia 30 de setembro.

O auxílio é depositado em contas poupança digitais e poderá ser movimentado pelo aplicativo Caixa Tem. Somente de duas a três semanas após o depósito, o dinheiro poderá ser sacado em espécie ou transferido para uma conta corrente. A partir de novembro, a expectativa do governo é lançar uma nova versão do benefício, chamada de Auxílio Brasil.

As parcelas variam o valor. Famílias em geral recebem R$ 250; monoparental chefiada por mulher recebe R$ 375; e pessoas que moram sozinhas, R$ 150. As dúvidas sobre o programa são tratada pela central telefônica 111 de segunda a sexta, das 7h às 22h. Além disso, os beneficiários podem acessar o site da Caixa (caixa.gov.br).

Calendário

  • 17/09 – beneficiários do Bolsa Família com NIS 1
  • 20/09 – beneficiários com NIS 2
  • 21/o9 – nascidos em janeiro e beneficiários com NIS 3
  • 22/09 – nascidos em fevereiro e beneficiários com NIS 4
  • 23/09 – nascidos em março e beneficiários com NIS 5
  • 24/09 – nascidos em abril e beneficiários com NIS 6
  • 25/09 – nascidos em maio
  • 26/09 – nascidos em junho
  • 27/09 – beneficiários com NIS 7
  • 28/09 – nascidos em julho e beneficiários com NIS 8
  • 29/09 – nascidos em agosto e beneficiários com NIS 9
  • 30/09 – nascidos em setembro e beneficiários com NIS 0
  • 01/10 – nascidos em outubro
  • 02/10 – nascidos em novembro
  • 03/10 – nascidos em dezembro