OAB fará nova lista sêxtupla para indicar nomes à vaga de desembargador recém-aberta no TJ catarinense

Recentemente, uma lista sêxtupla foi organizada a partir de um edital aberto este ano para que os advogados se candidatassem e participassem de uma eleição, onde todos os membros da OAB catarinense votaram. Uma das concorrentes era lagunense, a advogada e procuradora efetiva de Tubarão, Patrícia Uliano Effting, que ficou em quarto lugar na reta final. Dos seis nomes escolhidos pela Ordem, três são selecionados também em votação pelo TJ e submetidos à apreciação do governador Carlos Moisés (sem partido), que tem a palavra final na nomeação do desembargador.
Divulgação/TJSC

Com a aposentadoria do desembargador lagunense João Batista Gomes Ulysséa na última semana, o Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) solicitou à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) catarinense para que realize uma nova eleição para a formação de uma lista sêxtupla da advocacia para concorrer à vaga aberta. Ulysséa entrou no Judiciário estadual por meio do Quinto Constitucional e por causa disso o posto deverá ser ocupado por um advogado.

O ofício de solicitação foi expedido nesta segunda-feira, 26, pelo presidente do TJ, desembargador Ricardo Roesler. O Quinto Constitucional está previsto no artigo 94 da Constituição Federal e no artigo 100 da Lei Orgânica da Magistratura Nacional, de 1979.

Recentemente, uma lista sêxtupla foi organizada a partir de um edital aberto este ano para que os advogados se candidatassem e participassem de uma eleição, onde todos os membros da OAB catarinense votaram. Uma das concorrentes era lagunense, a advogada e procuradora efetiva de Tubarão, Patrícia Uliano Effting, que ficou em quarto lugar na reta final. Dos seis nomes escolhidos pela Ordem, três são selecionados também em votação pelo TJ e submetidos à apreciação do governador Carlos Moisés (sem partido), que tem a palavra final na nomeação do desembargador.

Ao Portal Agora Laguna, Patrícia deixa claro que deverá ser novamente candidata à vaga. “Acredito que estarei sim nessa disputa. Estar representando a Ordem no TJSC é um processo e temos que ter a maturidade e sabedoria para crescer e entender esse processo. Estarei me preparando para essa disputa”, disse. A OAB deve lançar em breve o edital com as bases da nova eleição.