Caged atualiza dados sobre geração de empregos formais em Laguna e Pescaria Brava

Conforme os dados da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia, foram contratadas 265 pessoas e desligadas, 207.
Divulgação
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 2,060 visualizações,  12 views today

Divulgados nesta quinta-feira, 29, os números referentes ao mês de junho do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) mostram que Laguna teve um novo saldo positivo de geração de empregos um pouco maior que em maio. A cidade teve 58 vagas de trabalho criadas.

Conforme os dados da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia, foram contratadas 265 pessoas e desligadas, 207.

Serviços é o primeiro no número de admissões. Registrou a contratação de 110 pessoas e o desligamento de 92, ou seja, saldo final mensal de 18 vagas criadas. O ramo da construção teve 13 admissões e apenas quatro baixas, o que dá ao setor o melhor saldo de maio com 15 contratações a mais.

Já a agropecuária e a indústria tiveram saldo negativo de oito e dois postos de trabalho a menos em junho, cada. No primeiro setor, foram 14 contratados e seis demitidos. No segundo, 26 admissões e 24 desligamentos.

Anteriormente, a cidade teve saldo negativo em janeiro e abril e positivo em fevereiro, março e junho. No acumulado do ano, o índice é favorável com 1.734 admissões e 1.528 desligamentos, o que gerou saldo de 206 vagas.

Pescaria Brava

A cidade registrou a admissão de 17 pessoas e a demissão de 23, gerando saldo negativo ajustado de seis desligamentos a mais. É a segunda vez no ano que o indicador fica desfavorável para o jovem município

No comércio de Pescaria Brava, foram registradas oito contratações contra 12 demissões, o que gera saldo negativo de quatro demissões. O setor de serviços teve duas admissões e quatro desligamentos, tendo saldo negativo de duas vagas a menos. Indústria contratou cinco e demitiu seis, ficando com uma vaga a menos.

A cidade teve saldo negativo em janeiro, março e abril e positivo em fevereiro e junho. No ano, já houve 134 admissões contra 122 desligamentos, o que gera saldo de 12 vagas a mais.

Geral

O Brasil gerou 309.114 postos de trabalho em junho deste ano, resultado de 1.601.001 admissões e de 1.291.887 desligamentos de empregos com carteira assinada. No acumulado de 2021, o saldo positivo é de 1.536.717 novos trabalhadores no mercado formal. Já Santa Catarina, em junho, o saldo ficou positivo em quase 15 mil novas vagas de trabalho.

Notícias relacionadas

Previous
Next