Lagunense que trabalhava na linha de frente em hospital morre vítima da Covid-19

Ele atualmente prestava serviços à Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Tubarão.
Arquivo pessoal
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 8,592 visualizações,  4 views today

Após uma longa batalha contra as complicações provocadas pelo novo coronavírus, o técnico de enfermagem Adriano dos Santos da Rosa, não resistiu e morreu nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira, 15. Natural de Laguna, ele atualmente prestava serviços à Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Tubarão.

O lagunense tinha 47 anos e também atuou como professor auxiliar em escolas da rede estadual de Santa Catarina, em Laguna. A morte foi lamentada pela prefeitura municipal em seu site. “É com grande pesar que a prefeitura de Laguna, por meio da Secretaria de Saúde, lamenta a triste notícia do falecimento do ex-servidor Adriano dos Santos, técnico de enfermagem que atuou na rede de saúde municipal até 2015″, escreveu o município.

O Conselho Regional de Enfermagem (Coren) de Santa Catarina também emitiu pesar pelo falecimento do profissional. “O Coren registra com profunda tristeza o falecimento do técnico de enfermagem Adriano Santos da Rosa, 47 anos, vítima da Covid-19. Ele atuava na UTI do Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Tubarão, onde era reconhecido pelas habilidades, empenho e realização com a profissão”, diz o texto.

De acordo com o Conselho, Adriano recebeu as duas doses da vacina contra a Covid-19, por isso fica o alerta para que todos se vacinem e permitam a imunização ideal para diminuir a transmissão do vírus.

Acho que na minha vida, nunca conheci um cara tão sensacional quanto você. Exemplo de marido, de genro, de filho, de familiar e de amigo. Sou muito grato por tudo que fizeste por nós, foste muito importante em nossas vidas. A saudade vai ficar, mas nunca te esqueceremos. Não me conformo com isso, mas se Deus quis assim devemos aceitar.Vá em paz amigo, sei que vais estar em bom lugar”, postou Jaison Junior, amigo de Adriano, nas redes sociais.

Adriano dos Santos foi velado e sepultado no cemitério na comunidade de Parobé. A cerimônia foi restrita a familiares e amigos.