Polícia prende homem que foi atrás de ex-namorada com arma de fogo no bairro Progresso

Diante disso, a vítima implorou para que o agressor deixasse sua residência, sendo constantemente ameaçada com a arma, apontando inclusive na direção da vítima. Segundo a polícia, ela também foi golpeada com socos e chutes.
Foto: Elvis Palma/Agora Laguna
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 8,566 visualizações,  8 views today

Na tarde deste domingo, 6, a Polícia Civil de Laguna com apoio da Delegacia de Imbituba, deu cumprimento a mandado de busca e apreensão e de prisão contra um homem que descumpriu as medidas protetivas de urgência ao ameaçar a vítima com uma arma de fogo na residência dela.

Ainda durante a manhã, a vítima compareceu na Central Regionalizada de Plantão Policial (CRPP) informando que na noite anterior teria saído de sua residência e quando retornou surpreendeu-se com a presença de seu ex-namorado, contra quem tem medida protetiva, a esperando com uma arma de fogo.

Diante disso, a vítima implorou para que o agressor deixasse sua residência, sendo constantemente ameaçada com a arma, apontando inclusive na direção da vítima. Segundo a polícia, ela também foi golpeada com socos e chutes.

Quando vizinhos compareceram ao local para ver o que estava acontecendo, o agressor empreendeu fuga e as agressões terminaram. No entanto, isso não retirou o temor da vítima de uma represália, tendo deixado de retornar à sua residência após o registro da ocorrência.

De posse das informações e após diligências preliminares desenvolvidas o delegado responsável pelo plantão representou pela prisão preventiva e pela busca e apreensão no bairro Progresso, endereço do agressor, o que foi prontamente deferido pelo Poder Judiciário, após manifestação favorável do Ministério Público local.

Assim, nesta tarde, Policiais Civis das Delegacias de Laguna e de Imbituba se dirigiram até o endereço alvo, onde encontraram o agressor ainda dormindo dentro de seu quarto, dando cumprimento ao mandado de prisão e às buscas no endereço.

Notícias relacionadas