Morre homem que engasgou com pedaço de carne, na comunidade da Madre

Ademar da Silva Sá, 57 anos, foi sepultado no final da tarde desta segunda-feira, 21, no cemitério de Pescaria Brava. Ele morava na comunidade de Ribeirão Grande.
Arquivo de família
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 17,796 visualizações,  16 views today

O homem socorrido depois de engasgar com um pedaço de carne e sofrer parada cardiorrespiratória, não resistiu às complicações provocadas pelos momentos em que ficou sem oxigenação no cérebro, conforme relatos de pessoas próximas.

Ademar da Silva Sá, 57 anos, foi sepultado no final da tarde desta segunda-feira, 21, no cemitério de Pescaria Brava. Ele morava na comunidade de Ribeirão Grande.

No último sábado, 19, Ademar Sá almoçava com a família em um estabelecimento na comunidade da Madre quando se engasgou com a comida. O Corpo de Bombeiros Militar (CBM) foi acionado e o transportou com urgência para o hospital de Laguna, com várias manobras de reanimação sendo feitas. Na instituição, ele recobrou os sentidos e foi submetido à entubação para administração de medicamentos.

Notícias relacionadas