Procurado pela polícia de Laguna, homem morre ao ser baleado na perna

Ele passaria por uma cirurgia no centro hospitalar, mas acabou não resistindo aos ferimentos. Ainda segundo a PM, Jonir Paulo Junior, seria bastante conhecido no meio policial. Natural de Laguna, ele tinha uma extensa ficha criminal, como por exemplo, por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo.
Divulgação

Um homem de 34 anos, conhecido por Juca, um dos responsáveis pelo tráfico de drogas em Laguna, morreu após ser baleado por um policial militar em uma ação na cidade de Imbituba.

Segundo apurado, policiais do Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT) realizaram uma operação no bairro Alto Arroio, nesta quinta-feira, 24, onde o criminoso estava escondido. De posse das informações repassadas ao setor de inteligência, a residência onde ele estava foi identificada.

No local, equipes do PPT foram realizar a prisão do investigado que estava na frente da casa. De acordo com a PM, por volta das 15h30, durante a tentativa de abordagem, ele acabou fugindo, pulando o muro da residência.

Ainda próximo do local, em um loteamento, o criminoso foi alvejado por um disparo de um policial na região do fêmur. De imediato ele foi socorrido e encaminhado ao Hospital São Camilo de Imbituba e por conta da gravidade, em seguida, levado ao Hospital Nossa Senhora da Conceição, de Tubarão, onde veio a óbito por volta das 6h, desta sexta, 25.

Ele passaria por uma cirurgia no centro hospitalar, mas acabou não resistindo aos ferimentos. Ainda segundo a PM, Jonir Paulo Junior, seria bastante conhecido no meio policial. Natural de Laguna, ele tinha uma extensa ficha criminal, como por exemplo, por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Ele já havia conseguido escapar de outra operação de policiais nas duas cidades.