Profissionais da educação serão vacinados hoje em Pescaria Brava

Estão inclusos os professores que atuam em centros de educação infantil (0 a 3 anos) até os que estão atuando no ensino fundamental de anos finais. Também se enquadro profissionais que das equipes técnica, administrativa e pedagógica e que atuam na execução do Plano de Contingência Educacional (PlanConEdu) na recepção de estudantes e comunidade em geral e profissionais das atividades de limpeza, alimentação, serviços gerais e similares. Os demais grupos têm que aguardar o envio de novas doses.
Foto: Tânia Rêgo/ABr
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 1,076 visualizações,  4 views today

Com a autorização estadual para que as vacinas dos profissionais da educação seja realizada até o último grupo prioritário, Pescaria Brava organiza para esta sexta-feira, 27, às 17h, um grande ato de imunização para poder atender a todos os servidores alcançados pela nota técnica. A ação ocorre na sede do Botafogo, em Santiago.

Estão inclusos os professores que atuam em centros de educação infantil (0 a 3 anos) até os que estão atuando no ensino fundamental de anos finais. Também se enquadro profissionais que das equipes técnica, administrativa e pedagógica e que atuam na execução do Plano de Contingência Educacional (PlanConEdu) na recepção de estudantes e comunidade em geral e profissionais das atividades de limpeza, alimentação, serviços gerais e similares. Os demais grupos têm que aguardar o envio de novas doses.

O vacinado deve levar carteirinha de vacinação, documento oficial com foto e cartão do SUS. As escolas vão receber senhas para serem distribuídas pelos diretores aos profissionais de educação contemplados nessa fase. A prefeitura frisa que sem essa identificação não será possível receber a vacina.

Na nota divulgada em sua rede social, a administração municipal reforçou que os professores e profissionais da rede estadual precisam levar cópia do comprovante de atuação e este ficará em posse da Vigilância Epidemiológica. Já quem atua na rede de ensino da prefeitura não necessita do documento, já que será enviada lista fornecida pelo setor de Recursos Humanos, assinada pela secretária de Educação local com os dados dos que têm direito ao imunizante.

Não podem

Quem tomou a vacina da gripe entre os dias 14 e 28 de maio não poderão se vacinar nesta ação e devem aguardar pelo menos 14 dias para receberam o imunizante contra coronavírus.

Já as professoras e profissionais grávidas, com suspeita de gestação ou em puerpério não poderão tomar a vacina nesta sexta, já que será utilizado a Covishield (AstraZeneca/Fiocruz) e há restrição para uso desse imunizante neste público. Nesse caso, é necessário ligar para (48) 3644-3639 e agendar a vacina com a Coronvac (Butantan/Sinovac).