Boto fêmea é resgatada por pescadores após ficar presa em tarrafa

"Essa foi a primeira vez que a gente conseguiu ir atrás do boto e soltá-lo da rede. Foi interessante", contou Amboni, em um vídeo postado numa rede social. "Uma vitória".
Foto: Ronaldo Amboni/Arquivo pessoal
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 5,764 visualizações,  8 views today

Um raro incidente ocorreu na manhã deste domingo, 23, na região da Tesoura, no Molhes da Barra. Um boto fêmea, identificada como Fúria, acabou ficando por baixo da tarrafa durante a interação com os pescadores da localidade.

Segundo o pescador e fotógrafo Ronaldo Amboni, assim que se percebeu a captura acidental, o pescador que lançou a tarrafa foi avisado para soltar a rede e a fêmea acabou saindo nadando com a arte de pesca presa em seu corpo. Duas canoas foram atrás para despendê-la.

“Essa foi a primeira vez que a gente conseguiu ir atrás do boto e soltá-lo da rede. Foi interessante”, contou Amboni, em um vídeo postado numa rede social. “Uma vitória”.

Veja o relato

Notícias relacionadas