Suplente assume como vereador após licença de Deise Cardoso

Primeiro suplente do partido, Vitor Elíbio entra para o Legislativo no lugar de Deise Cardoso, que pediu licença para assumir o cargo de secretária de Governo e Desenvolvimento. Com a posse, ele se torna o segundo mais jovem na Câmara.
Divulgação/CML
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 5,316 visualizações,  12 views today

Vítor Elíbio (MDB), 28 anos, foi empossado nesta quarta-feira, 7, como vereador em Laguna. Primeiro suplente do partido, ele entra para o Legislativo no lugar de Deise Cardoso, que pediu licença para assumir o cargo de secretária de Governo e Desenvolvimento. Com a posse, Elíbio se torna o segundo mais jovem na Câmara.

“Assumir uma vaga no Legislativo em meio à uma pandemia é um grande desafio e de tremenda responsabilidade. Por ser um jovem político, posso encontrar algumas dificuldades neste primeiro momento, mais sei que posso contar com a experiência dos nossos servidores e com os colegas vereadores para desempenhar o melhor ao nosso município”, afirma o emedebista. A posse foi em cerimônia reservada, acompanhada pelo presidente Rhoomening Rodrigues (PSDB), e os vereadores Edi Goulart (PSD) e Patrick Mattos (MDB).

Essa é a primeira experiência política dele, que obteve 613 votos na eleição de novembro. “Durante toda nossa campanha eleitoral, pautamos a aproximação do poder público junto às comunidades, buscando o desenvolvimento continuo nos seguimentos básicos como Saúde, educação e infraestrutura”, diz Elíbio.

Com a posse, o emedebista herda a vaga de Deise na comissão permanente de Educação, Saúde e Assistência, mas não a vice-presidência do Legislativo. Conforme regimento interno, o posto permanecerá vago e, se a licença da titular ultrapassar 120 dias, será feita uma eleição específica para a escolha de um ocupante para a função.

Perfil

Morador de Barranceira, na região Norte de Laguna, Vitor Elíbio de Oliveira é graduado em gestão pública e tem formação técnica em mecânica industrial. Atualmente, atua como pescador e produtor rural. Antes, teve experiências como garçom e atuou em empresas gráficas e de implementos rodoviários. É filiado ao MDB desde 2015 e faz parte da ala chamada de Juventude MDB (JMDB). A vida política começou na formação de núcleos na cidade de Içara, região carbonífera, através do presidente da época Diego dos Santos.