Livreto do Iphan usa Centro Histórico para ensinar educação patrimonial

Obra aborda as conceptualizações de patrimônio cultural e as referências da cultura de Laguna, bem como apresenta as características arquitetônicas do Centro Histórico. A pesca com botos, os sítios arqueológicos e locais como a ponte ferroviária de Laranjeiras, o palacete Polidoro Santiago e a sede do Museu Anita Garibaldi (Casa de Câmara e Cadeia), são citados na obra.
Foto: André Luiz/Agora Laguna
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 1,808 visualizações,  4 views today

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) lançou três publicações voltadas à educação patrimonial sobre Santa Catarina. Um dos livretos usa o Centro Histórico de Laguna como complemento para educadores que tratam do tema em sala de aula.

A obra de Laguna tem 40 páginas e foi organizada por Ana Paula Cittadin (que assina os textos, junto de Liliane Lucena), Carla Ferreira Cruz e Renata Lais Bogo. O livreto aborda as conceptualizações de patrimônio cultural e as referências da cultura de Laguna, bem como apresenta as características arquitetônicas do Centro Histórico. A pesca com botos, os sítios arqueológicos e locais como a ponte ferroviária de Laranjeiras, o palacete Polidoro Santiago e a sede do Museu Anita Garibaldi (Casa de Câmara e Cadeia), são citados na obra.

As outras publicações são: Conservação preventiva de imóveis antigos em núcleos históricos e Conservação preventiva de imóveis antigos na região de imigração. Elas fazem parte, conforme o Iphan, de uma série que busca resgatar, de forma sintética, alguns dos conceitos do campo do Patrimônio Cultural, e revisitar saberes e lugares da cultura catarinense.

“Foi elaborado para atender uma demanda de professores das escolas de Laguna. Atendemos aqui no escritório alunos das redes estadual e municipal de ensino e percebemos que os professores não tinham materiais com referências culturais para abordar em sala de aula. O objetivo foi desenvolver uma material que fosse um resumo para dar continuidade ao que conversamos no escritório com as crianças”, explica Ana Paula.

Os livretos estão disponíveis no site do Iphan e vão poder se encontrados, de forma impressa, na sede do órgão em Florianópolis (SC) e nos escritórios técnicos de Laguna, Pomerode e São Francisco do Sul. “É uma ação que muito nos orgulha, pois é fruto de uma construção coletiva que continua gerando bons resultados. O nosso intuito é dar continuidade a essas iniciativas em conjunto com parceiros municipais e sociedade civil organizada para que, paralelamente, cada um em seu papel, possamos expandir esta coleção”, destaca a superintendente do Iphan em Santa Catarina (Iphan-SC), Liliane Nizzola.

Livretos

Conservação preventiva de imóveis antigos em núcleos históricos e Conservação preventiva de imóveis antigos na região de imigração visam oferecer informações acessíveis e efetivas para proprietários e usuários de bens tombados interessados em realizar adequadamente a manutenção de seus imóveis. Já Educação patrimonial no centro histórico de Laguna é um material de apoio para educadores que desejem trabalhar a temática do Patrimônio Cultural em sala de aula.