Confira as medidas que devem ser adotadas em Laguna, Pescaria Brava e mais 16 cidades

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 508 visualizações,  4 views today

Desde a última semana, os prefeitos dos 18 municípios que compõem a região de Laguna discutem termos para embasar decretos de restrição social. Uma minuta do que deve ser adotado nas normativas foi obtida com exclusividade pelo Portal Agora Laguna.

Entre as medidas, ficarão proibidos os esportes coletivos, aglomeração de pessoas em praças e parques públicos e suspensão total dos eventos sociais. Os prefeitos também concordaram pela ampliação da fiscalização.

O decreto diz que nos municípios pertencentes a Amurel fica estabelecido o fechamento das atividades durante o período das 23h até 6h, sendo que apenas pessoas em trânsito para fins profissionais e de saúde poderão circular nesses horários.

Há sugestão de limitar o tempo da realização de velórios para no máximo três horas de duração, restrito aos parentes de primeiro e segundo grau. Para a celebração de missa e exéquias (conjunto de rezas para encomendar o corpo) recomenda-se a realização das mesmas em espaço ao ar livre, a exemplo de cemitérios, pátios de igrejas, etc.

As normativas devem ser publicadas na edição do Diário Oficial dos Municípios, desta segunda-feira, 1º.

Veja as medidas

I – Quanto ao funcionamento dos serviços públicos: nos municípios pertencentes a Amurel todas as atividades da administração municipal continuam mantidas, sendo que os mesmos são essenciais. Cada município será responsável pelo regramento sanitário nos respectivos setores de trabalho. Tal medida se faz necessária sendo que para o referido momento todos os setores são essenciais para prestar auxílio a população e estar à disposição da comunidade. O regramento do expediente e da vigilância fica a cargo de cada município.

II – Quanto ao fechamento das atividades comerciais ao público: nos municípios pertencentes a Amurel fica estabelecido o fechamento das atividades durante o período das 23 horas até as 6 horas, sendo que apenas pessoas em trânsito para fins profissionais e de saúde poderão circular nesses horários.

III – Velórios: sugere-se limitar o tempo para no máximo três horas de duração, restrito aos parentes de primeiro e segundo grau. Para a celebração de missa e exéquias (conjunto de rezas para encomendar o corpo) recomenda-se a realização das mesmas em espaço ao ar livre, a exemplo de cemitérios, pátios de igrejas, etc.

IV – Ficam suspensos atividades de esportes coletivos;

V – Recomenda-se a proibição de aglomeração em parque e praças públicas, respeitando-se o distanciamento social de 1,5 m;

VI – Realizar, de forma maciça no âmbito regional e local, Campanhas publicitárias de alto impacto para conscientização da população;

VII – Academias e piscinas coletivas segue decreto estadual;

VIII – Recomenda-se que haja ampliação das fiscalizações;

IX – Quanto às aulas, segue-se os protocolos já definidos pelo estado e municípios;

X – Cancelamento imediato de todos os eventos sociais.