Novo aumento faz gasolina ultrapassar R$ 5,30 em Laguna

Foto: Luís Claudio Abreu/Agora Laguna
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 456 visualizações,  4 views today

Duas semanas após um levantamento feito pelo Portal Agora Laguna, a gasolina acumulou dois novos aumentos por parte da Petrobras e os preços dos postos, que quase alcançavam a marca dos R$ 5, agora já chegam a ultrapassá-la. O mais recente foi anunciado há dois dias e se configurou na sexta elevação só em 2021. Nas refinarias, o preço médio passou a ser de R$ 2,84 por litro para a gasolina e de R$ 2,86 por litro para o diesel e esse aumento é repassado às bombas no consumidor final.

A previsão das entidades ligadas ao comércio de combustíveis é o que o valor dispare e em Santa Catarina o preço por litro chegue a bater os R$ 6, na próxima semana. Enquanto isso não se confirma, o motorista deve preparar o bolso ao abastecer e a reportagem foi mais uma vez às ruas, entre a terça-feira, 9, e esta quarta-feira, 10, para mapear os valores cobrados na cidade juliana e também em Pescaria Brava.

No levantamento, a gasolina mais barata foi localizada no Paradouro SIM, às margens da BR-101, em Barranceira. Ali, o motorista desembolsa R$ 4,999 para abastecer o veículo. Já o posto mais caro, é o Auto Posto Verde (antigo Bela Iguaba), no Magalhães, onde o preço na bomba é R$ 5,389.

O diesel comum (S500) pode ser encontrado por R$ 3,899 no SIM, mas chega a custar R$ 4,289, se abastecido no Posto Gonçalves, na rótula do Portinho. A mesma situação é verificada na comercialização do diesel S10. Em Barranceira, o valor é R$ 3,999 e no posto da rótula do Portinho, custa R$ 4,29. O único estabelecimento que o Portal não conseguiu localizar os preços foi o Auto Posto do Cal, na Passagem da Barra, região da ilha.

Em Pescaria Brava, o Novo Posto e o Della Giustina comercializam gasolina comum com o mesmo preço: R$ 5,199. Porém, há diferença no valor cobrado quando se abastece diesel S500: R$ 4,01 (Novo Posto) e R$ 4,13 (Della Giustina).

Veja os valores mapeados pela reportagem (clique para ampliar)*

*Sujeito a alteração por parte dos postos sem aviso prévio. Os valores refletem o que era cobrado no dia do levantamento.