Morre João Batista Vargas, ‘gaúcho de coração lagunense’

Arquivo pessoal
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 800 visualizações,  8 views today

Morreu nesta quinta-feira, 25, João Batista Vargas, 65 anos, conhecido por ser um apaixonado pela cultura e pela história de Laguna. Ele mantinha uma página em rede social que divulgava fatos culturais da cidade.

Vargas era portador de diabetes e se internou no começo do mês para fazer uma cirurgia em um hospital na cidade de Viamão, na região metropolitana de Porto Alegre (RS). Segundo a família, por conta do coronavírus, ele não queria fazer o procedimento, mas acabou cedendo.

Na reta final do processo de internação, acabou contraindo o vírus no hospital e teve piora no quadro de saúde, precisando ser intubado em UTI, não resistindo.

Ele contraiu Covid no hospital, um problema no pulmão, testou positivo na terça, foi para o respirador e ontem à noite, precisou de um leito na UTI, não tinha. Hospitais super lotados, devido a irresponsabilidade daqueles que negam o vírus, que se recusam a usar máscara, fazem aglomeração e não mantém as mãos higienizadas”, postou em sua página uma das familiares.

Pelas redes sociais, a prefeitura de Laguna e várias entidades ligadas à Cultura manifestaram pesar e lamentação pelo seu falecimento. Vargas era gaúcho, mas dizia ter “coração lagunense”, o que o fez ser considerado “Amigo de Laguna” em 2019, durante o aniversário do município.

O boletim mais recente do novo coronavírus em Viamão aponta 5.083 casos positivos, com 157 pacientes em tratamento. Um total de 277 óbitos ocorreram no município.

Notícias relacionadas

Previous
Next