Região de Laguna volta para o nível gravíssimo, diz governo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 732 visualizações,  4 views today

Após quase oito semanas no patamar de risco grave para a proliferação do novo coronavírus, a região da Amurel, composta por 18 municípios (incluindo Laguna e Pescaria Brava) voltou a ser considerada como gravíssima. Desde setembro, a região não atingia esse patamar.

O dado foi divulgado na manhã desta quarta-feira, 18, pelo governo estadual. O risco gravíssimo é o pior índice da matriz e pode ser justificado pelo aumento no número de casos e pela lotação dos leitos de UTI na região. Em Laguna, na segunda-feira, 16, os dez leitos foram ocupados totalmente.

Em relação à semana anterior, pela nova classificação, três regiões foram classificadas com o risco gravíssimo (cor vermelha) e as outras treze estão em risco grave (cor laranja). A única região que continua com o mesmo risco gravíssimo da matriz do dia 11 é a região de Xanxerê.

Grande Florianópolis e Meio Oeste voltaram para a cor laranja. Além de Laguna, a região do Alto Uruguai voltou a ser considerada como de risco gravíssimo. Todas as outras regiões permanecem com o risco grave para a proliferação do novo coronavírus. Não há localidades em risco moderado ou alto.

Divulgação/Secom-SC

Notícias relacionadas