Quase 42 mil eleitores vão às urnas neste domingo em Laguna e Pescaria Brava

Foto: Luís Claudio Abreu/Agora Laguna
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 252 visualizações,  4 views today

Cinco milhões de eleitores em Santa Catarina vão às urnas neste domingo, 15, para decidirem o futuro de suas cidades, escolhendo prefeitos e vereadores e em Laguna e Pescaria Brava, não será diferente. A votação começou às 7h e irá até 17h.

As urnas que serão usadas no pleito foram entregues no sábado, 14, sendo recebidas pelos presidentes de mesa. Os equipamentos já foram montados por volta das 6h. As urnas foram preparadas há alguns dias, quando houve a inserção dos dados de cada candidato nesse pleito.

Em Pescaria Brava, os 6.961 eleitores do município escolhem entre dois candidatos a prefeito e 47 para vereador. Já Laguna, que tem 34.264 pessoas aptas a votar, tem seis candidatos a prefeito e 125 a vereador.

A expectativa é que a população dos dois municípios conheça os eleitos a partir das 19h, segundo projeção da Justiça Eleitoral de Laguna, que organiza o pleito nos dois municípios.

Agora Laguna acompanha a movimentação eleitoral na cidade, trazendo cobertura dos fatos na internet e a apuração dos votos, a partir das 17h, ao vivo no Facebook, em parceria com a Rádio Difusora.

Eleitor tem que levar máscara

Para votar, o eleitor deve obrigatoriamente estar de máscara e levar uma caneta que será usada para assinar o livro de comparecimento. As seções têm álcool em gel que serão utilizados pelos eleitores.

Cada um dos locais de votação recebeu marcações para respeitar o distanciamento social de um metro no mínimo. O eleitor não entregará seu título ou documento ao mesário, os mostrará de longe. Se houver dúvida sobre a identificação do eleitor, o servidor pode pedir que ele abaixe a máscara por alguns segundos, mas antes, solicitará que ele se afaste da mesa.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) definiu que das 7h às 10h, os idosos terão preferência de voto e após às 11h e até 17h, os demais públicos são orientados a irem votar. Nas duas cidades, a Justiça Eleitoral determinou que trabalhadores da saúde e militares de serviço neste domingo, com uniforme e identificação profissional, têm direito à preferência na hora do voto.

Previous
Next