Laguna tem seis casos de Covid-19 informados nesta segunda

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram

 160 visualizações,  4 views today

Nesta segunda-feira, 12, a prefeitura de Laguna informou que teve mais seis casos confirmados de coronavírus e apenas uma alta.

Segundo o boletim, a cidade não possui mais nenhum caso suspeito aguardando resultado dos exames do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen). A paciente que teve alta é uma jovem do Portinho, de 19 anos.

Os casos positivos são de mulheres do bairro Magalhães, Mar Grosso, Portinho e duas do Progresso, além de um homem do bairro Portinho. Laguna tem 136 pessoas com vírus ativo, que estão em tratamento.

Números de Laguna

Casos notificados – 4.475
Casos descartados – 3.383
Casos suspeitos – nenhum
Confirmados – 1.092
Curados – 940
Casos em tratamento – 136
Mortes – 16

SC

O Governo de Santa Catarina informou que há 228.008 pacientes com confirmação de infecção pelo novo coronavírus, sendo que 217.332 estão recuperados e 7.758 continuam em acompanhamento. O número foi divulgado nesta segunda-feira, 12. Desde o início da pandemia, 2.918 óbitos foram causados pela doença respiratória. Com isso, a taxa de letalidade é de 1,28%.

As 295 cidades catarinenses já têm registro de casos confirmados, e 230 registraram ao menos um óbito. O local com a maior quantidade de pessoas que já contraíram Covid-19 é Joinville, que contabiliza 23.192 casos, seguida por Florianópolis (14.940), Blumenau (12.339), São José (8.629), Itajaí (8.144), Criciúma (7.392), Balneário Camboriú (7.373), Chapecó (7.066), Palhoça (6.582) e Brusque (5.875).

A taxa de ocupação dos leitos de UTI pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Santa Catarina é de 57,3%. Isso significa que, dos 1.540 leitos existentes no estado, 657 estão vagos e 883 estão ocupados, sendo 191 por pacientes com confirmação ou suspeita de infecção por coronavírus.

Brasil

O Brasil tem 150.555 mortes e 5.096.209 casos de coronavírus confirmados até as 13h desta segunda-feira, segundo o consórcio de veículos de imprensa. Os dados são baseados nos números das secretarias estaduais de Saúde.

Notícias relacionadas