Foto: Luís Claudio Abreu/Agora Laguna

Após quase cem dias de investigações, a Polícia Civil de Gravatal prendeu um homem identificado como suspeito de praticar uma série de crimes de estupros de vulneráveis contra crianças e adolescentes.

Ao longo das investigações foram identificadas três vítimas com idades inferiores a 14 e 17 anos. O caso veio à tona através de denúncias levadas ao conhecimento dos Conselhos Tutelares de Capivari de Baixo e Gravatal. Imediatamente um inquérito policial foi instaurado e uma série de diligências foram desencadeadas nestes três meses de investigações.

Um conjunto probatório robusto foi reunido no inquérito e a autoridade policial responsável pelas investigações, delegado André Luis Mendes da Silveira, representou pela prisão preventiva do suspeito. A prisão foi decretada pelo Poder Judiciário da Comarca de Armazém, após parecer favorável do Ministério Público da mesma comarca.

No início da tarde da última quinta-feira, 24, policiais civis da delegacia de Gravatal prenderam o homem, o qual estava na cidade de Laguna. Ele foi encaminhado ao Presídio Regional Masculino de Tubarão após os trâmites legais realizados.

As investigações foram realizadas com apoio do setor de psicologia da DPCAMI de Tubarão, IML Tubarão, Conselho Tutelar de Gravatal e Secretaria de Assistência Social de Gravatal.