Divulgação

Morreu na manhã desta quarta-feira, 23, no hospital Socimed em Tubarão, o empresário Muhammad Mustafa Mashni, mais conhecido como Armando Mashni. Ele tinha 84 anos e foi por muito tempo proprietário da Casa São Paulo.

Figura conhecida na cidade, Armando era popular no comércio local, na venda de tecidos em geral no Centro Histórico. Nas redes sociais, o filho Nidal deu a notícia. “Infelizmente hoje faleceu meu pai, um grande homem, trabalhador e um exemplo pra todos nós. Nossa família agradece todas as orações realizadas. Os planos de Deus são diferentes dos nossos e de Deus nós viemos e para Ele retornaremos”, lamentou.

Mashini nasceu em Jersualém e veio aos 22 anos para o Brasil com pouco mais de cem dólares na carteira para viver. Em sua trajetória, vendia de porta em porta e com muito esforço abriu sua loja, a Casa São Paulo, que teve filiais em Laguna e Tubarão. Ao Portal Notisul, o filho informou que o pai será sepultado em um cemitério muçulmano, em Florianópolis.

A causa da morte foi por complicações decorrentes do novo coronavírus e deve ser acrescentada no próximo boletim emitido pela prefeitura. Armando Mashini deixa esposa, sete filhos, dez netos e um bisneto.