Foto: Elvis Palma

Prometida desde a década de 1980 e resgatada há um ano pelo governador Carlos Moisés (PSL), a proposta de erguer uma ponte para ligar a ilha de Laguna ao núcleo urbano da cidade ganhou novo capítulo no fim da tarde de sexta-feira, 14. O Estado disponibilizou R$ 2 milhões para que seja contratada uma empresa para fazer a elaboração do projeto da estrutura e do prolongamento da rodovia Miguel José Boabaid (SC-100).

O lançamento do edital marcou a quinta visita de Moisés à Laguna e aconteceu em cerimônia restrita a autoridades, imprensa e alguns convidados. Durante discurso, o governador lembrou que um pré-projeto da ponte chegou a ser aprovado para buscar apoio da União, mas o processo não foi adiante por falta de orçamento no Ministério do Turismo (MTur).

Para o chefe do Executivo, a ponte era uma das obras prioritárias do primeiro ano de governo. “Vou garantir para os senhores que se todas as portas se fecharem, vamos fazer essa obra com recursos do Estado, seja mediante financiamento ou recursos próprios. Esse é um compromisso”, prometeu Moisés, em sua fala.

O secretário estadual de Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, frisou que o edital é o início de um trabalho técnico para tornar a obra o mais efetiva possível. “Vai trazer uma nova rota de desenvolvimento para o município, portanto, é preciso planejar com muito cuidado como ela será preparada para receber o impacto disso. Há todo um contexto que será avaliado para garantir mais qualidade de vida e a valorização dos recursos públicos empregados na obra, desde o seu projeto”, comentou.

“Esse aceno de fazer o edital, traz de volta ao povo de Laguna a esperança de sonhar de volta com a Ponte do Pontal e é algo muito importante para cidade pois vai mudar a história e a economia de Laguna”, descreveu o prefeito interino de Laguna, Júlio Willemann (PSD).

A ideia é ter o projeto concluído em até 360 dias após todas as fases do processo de licitação, que, segundo edital, está previsto para ter a abertura dos envelopes no próximo mês, em 15 de setembro.

Reveja a cerimônia