Foto: PC / Divulgação

Dois homens foram presos em flagrante quando desossavam dois cavalos em um matadouro clandestino na localidade de Sítio Novo, em Imaruí, nesta sexta-feira, 14. A prisão foi realizada pela Polícia Civil de Pescaria Brava, em conjunto com a Polícia Militar, de Tubarão.

A princípio, a informação seria de que a dupla teria cometido crime de abigeato, que é o furto de animais, mas segundo o delegado responsável William Testoni, por ora isso não está confirmado. “Houve o flagrante de maus tratos, com morte, de dois cavalos, que estavam sendo carneados, e mais crimes contra as relações de consumo, já que as carnes seriam destinadas para a venda e são impróprias”, explicou ao Portal Agora Laguna.

Os dois cavalos foram mortos nesta manhã. mas ao menos 30 já teriam sido carneados pela dupla, segundo relataram aos investigadores. A carne removida dos equinos iria ser comercializada a R$ 7/quilo para um açougue na região de Tubarão. “Só não podemos confirmar se realmente o açougue citado estava comprando. A versão foi dos presos”, resumiu o comandante da PM de Tubarão, Sílvio Lisboa.

A Cidasc foi acionada e apreendeu a carne, cuja carga somou 450 quilos. Uma atuação administrativa foi efetuada e os homens enquadrados no crime de maus tratos contra animais e crimes contra a relação de consumo, por manterem em depósito mercadoria em condições impróprias. Eles ficarão detidos na Unidade Prisional Avançada de Laguna.


Atualizado às 20h12.

Foto: PC / Divulgação