Foto: Arquivo PMPB

Portaria publicada no último dia 12, pelo Ministério da Saúde (MS), autoriza repasse temporário para municípios mantém os centros de atendimento para enfrentamento do novo coronavírus (Sars-CoV-2), em caráter excepcional. A autorização leva em conta o cenário emergencial de saúde pública de importância nacional e internacional decorrente da pandemia.

Nessa portaria, apenas Pescaria Brava foi contemplada. O município de 10 mil habitantes receberá três parcelas de R$ 60 mil, que totalizarão o montante de R$ 180 mil. Ao todo, seis cidades catarinenses estão inseridas na portaria. O recurso, que ainda não entrou no caixa municipal, é aguardado pela prefeitura.

“Alguns municípios foram contemplados no mês passado, e Pescaria Brava não estava nesta portaria inicial. São recursos que vão subsidiar todo o material de insumo, custeio e mão de obra do centro de triagem”, comenta o secretário de Saúde, Henrique Castro de Souza. A unidade de Pescaria Brava foi uma das primeiras a ser abertas na região, ainda em março.

Ao fim dos três meses, a União terá repassado R$ 42,7 milhões para a manutenção de 223 centros de atendimento para enfrentamento da pandemia de Covid-19 em 194 cidades brasileiras.

O centro de triagem para casos de coronavírus está sediado na unidade de saúde do bairro Km-37, atendendo de segunda à sexta, das 7h30 às 11h30 e das 13h às 17h, e aos fins de semana das 13h às 19h.