Divulgação

Já são 20 pacientes curados do novo coronavírus em Laguna, segundo indica o boletim epidemiológico da prefeitura municipal emitido na noite desta terça-feira, 16. O paciente é morador do bairro Magalhães e tem 43 anos.

O número de casos confirmados se manteve estável. No boletim anterior, a prefeitura confirmou o 30º diagnóstico positivo, o de uma mulher de 40 anos, residente no Mar Grosso. Atualmente, são dez casos com vírus ativo no município. Entre segunda e terça, foram feitas 12 novas notificações.

Há 24 pacientes aguardando o resultado das coletas de amostras encaminhadas ao Laboratório Central (Lacen) de Santa Catarina, que vem tendo dificuldade na realização das análises por falta de reagentes necessários.

Dez pessoas de Laguna tiveram diagnóstico negativo, mas a prefeitura não informou até o momento como o laudo foi produzido: se por meio de teste rápido ou pelo laboratório. Ao todo, 10 pacientes seguem com o vírus ativo em Laguna, que fazem tratamento domiciliar, à espera de ganharem alta desse período de isolamento.

  • um homem do Mar Grosso, entre 35 e 45, confirmado em 1º de junho
  • um homem de Morro Grande, 50, confirmado em 3 de junho
  • um homem de Cabeçuda, 56 anos, confirmado em 4 de junho
  • uma mulher de Cabeçuda, 42 anos, confirmada em 4 de junho
  • uma mulher do Magalhães, 46, confirmada em 5 de junho
  • um homem do Centro, 53, confirmada em 5 de junho
  • dois homens do Farol de Santa Marta, ambos 29 anos, confirmados em 6 de junho
  • uma mulher da Vila Vitória, 36, confirmada em 6 de junho
  • uma mulher do Mar Grosso, 40 anos, confirmada em 15 de junho.

SC tem mais de 12,2 mil recuperados

Segundo o boletim desta terça do governo estadual, há 14.402 pacientes com teste positivo para Covid-19 em Santa Catarina. Deste total, 12.212 estão recuperados e 1.978 permanecem em acompanhamento.

A estatística de mortes alcançou o total de 212, desde o início da pandemia. A taxa de letalidade é de 1,47%. Os 13 óbitos mais recentes são de quatro mulheres, todas com registro de comorbidades, moradoras de Itajaí (de 32, 44 e 86 anos), Dionísio Cerqueira (72), e nove homens, residentes em Itapoá (61 anos), Itajaí (55), Forquilhinha (68), Xaxim (67), Xanxerê (63), Urussanga (34), Agronômica (49), São Lourenço do Oeste (46) e Araquari (82). Apenas estes três últimos não tinham registro de comorbidades, mas o morador de Araquari pertencia a grupo de risco em razão da idade.

246 cidades catarinenses têm ao menos um caso confirmado. A maior quantidade está em Chapecó, que soma 1.118 casos. Em seguida, estão Concórdia (1.087), Itajaí (1.010), Florianópolis (960), Blumenau (810), Balneário Camboriú (672), Joinville (618), Criciúma (488), Xaxim (325) e Palhoça (319).

Brasil

Conforme dados divulgados pelo Ministério da Saúde, há 923.189 casos confirmados no Brasil. Deste total, 436.219 estão em acompanhamento e 441.729 estão recuperados. O coronavírus foi o responsável pela morte de 45.241 pessoas no país, desde o início da pandemia.

Divulgação/PML