Foto: Elvis Palma/Agora Laguna

Agentes de saúde e segurança intensificaram as ações de fiscalização e orientação visando monitorar o acesso à cidade durante esse feriadão de Corpus Christi. Segundo a prefeitura, equipes da Secretaria Municipal de Saúde, através dos fiscais da Vigilância Sanitária, agentes de endemias, agentes comunitários de saúde, Guarda Municipal, Polícia Civil e Polícia Militar iniciariam na tarde dessa quarta-feira, 10, barreiras sanitárias na entrada da cidade, no bairro Portinho.

“Devido ao aumento de turistas no município em período de pandemia, necessitamos fazer os procedimentos necessários de monitoramento e o perfil epidemiológico das pessoas que entram em Laguna nesse feriado, contribuindo assim para tomada de decisões”, afirmou a secretária de Saúde, Valéria Olivier.

As equipes devem se revezar durante todo dia, acompanhando e orientando com medidas preventivas e com medição de temperatura para frear o avanço da Covid-19. A ação deve seguir até o próximo domingo, 14.

A medida levou em consideração o aumento dos casos notificados em Laguna. Atualmente, a cidade tem 279 notificações desde o início da pandemia, sendo que 230 são considerados descartados. Ao todo, são vinte pacientes suspeitos, que aguardam pelo resultado das análises das coletas e encaminhadas ao Laboratório Central (Lacen) de Santa Catarina, para saber se estão ou não com o novo coronavírus.

Há 11 pessoas com o vírus ativo em Laguna, que fazem tratamento domiciliar, à espera de ganharem alta desse período de isolamento. 18 pacientes já estão curados da doença.

Foto: Elvis Palma/Agora Laguna

Testes rápidos

Laguna informou ter recebido nesta terça-feira, 5, lotes de testes rápidos para auxílio no diagnóstico do novo coronavírus, causador da doença respiratória Covid-19. Ao todo, são 1.160 testes.

De acordo com a secretária de Saúde, Valéria Olivier, a aplicação vai seguir normas técnicas do setor de Vigilância Epidemiológica. “Iremos aplicar os testes primeiramente nos profissionais de saúde, de segurança pública e profissionais de salvamento, que apresentarem sintomas”, adianta a gestora.

Com os kits, Laguna também poderá testar familiares e contatos de pacientes que tiveram resultados positivos para o vírus. Os lotes são compostos por 660 testes enviados pelo Ministério da Saúde e os outros 500, adquiridos pela Secretaria de Saúde.