Divulgação/Casan

A Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan) atualizou o andamento de obras que vem executando desde 2019 para ampliar a segurança do Sistema de Esgotamento Sanitário de Laguna.

De acordo com a companhia, uma das melhorias executadas foi a implantação de um tanque de contato para dosagem de hipoclorito de sódio e desinfecção do efluente na Estação de Tratamento Vila Vitória.

O tanque entrou em testes e garante maior qualidade ao efluente, cujo retorno ao ambiente ocorre também com melhor aspecto visual. Atualmente, a capacidade da estação da Vila Vitória é de até 90 litros por segundo.

“Executamos um conjunto de obras que trará mais segurança à operação do Sistema e mais qualidade de vida para os moradores e visitantes”, descreve o superintendente da Casan na região Sul, Gilberto Benedet Jr.

A companhia informou ainda que a obra para recebimento do esgoto da Bacia A de Laguna, que deve beneficiar os imóveis da região do Mar Grosso, chegou em sua etapa final. O emissário terrestre de 2,7 quilômetros montado em substituição à estrutura submarina obsoleta já foi concluído e está na fase de finalização. Faltam apenas detalhes elétricos e mecânicos para que possa entrar em operação, além da licença ambiental.

A Casan garante que a meta é que os ajustes sejam operacionalizados até a próxima temporada, momento em que a unidade recebe maior fluxo de esgoto em função da presença de veranistas na cidade.